A bebida colombiana, o conhaque

Conhaque colombiano

Cada país tem seu próprio licor ou bebida nacional. O de Colômbia é o conhaque, sem dúvida a bebida alcoólica mais emblemática e querida. Junte-se a nós nesta viagem por terras colombianas para encontrar o calor e o sabor de seus melhores destilados.

Em primeiro lugar, é preciso esclarecer que o conhaque (conhecido por diferentes nomes em diferentes partes do mundo), é uma bebida tão antiga quanto muito difundida. Sabe-se que já foi destilado na época medieval. O nome "água em chamas" referia-se ao seu alto teor de álcool, que a tornava uma substância inflamável. Outro nome mais amável que também foi usado e continua a ser usado é o de "água da vida" (aguardente), que evoca seu conteúdo espiritual.

La cana de açúcar, originária do Sudeste Asiático, chegou à América pelas mãos dos espanhóis. Os destilados da cana deram origem a vários licores como ron na região do Caribe e o escondido no Brasil. No caso das regiões andinas, o resultado foi o conhaque. A crença amplamente difundida de que o conhaque colombiano se origina de uma bebida quíchua anterior não passa de um mito.

Data de 1784 a primeira destilaria de Nueva Granada: a “Real Fábrica de Destilaciones del Nuevo Reino”, em Villa de Leyva. Após a independência, o estado colombiano regularizou a produção de conhaque, proibindo a manufatura artesanal.

Características do conhaque colombiano

O conhaque colombiano típico é obtido a partir de 94% ou 96% de álcool concentrado destilado da cana-de-açúcar. Este álcool é muito seco, mas é suavizado com essências de anis e xarope de açúcar. Cada produtor tem sua receita e cada região seu sabor.

Pode ser difícil para um bebedor leigo encontrar nuances e diferenças. Ao contrário de outras bebidas, como uísque, conhaque (também chamado de guaro) não oferece aromas ou sabores óbvios. Isso não significa que não se tenha o máximo cuidado em respeitar as quantidades e proporções que conferem a esta bebida a sua essência mais autêntica, pelo contrário. É preciso, sim, um olfato e paladar bem treinados para capturá-los e apreciá-los.

coquetel da colômbia

O conhaque é consumido na Colômbia de várias maneiras

Ao degustar um bom conhaque colombiano, é preciso levar em consideração sua graduação. É possível que a primeira bebida "queime" a boca, mas nas seguintes já dá para começar a apreciar o calor e as nuances a que nos referimos no parágrafo anterior.

Também é justo destacar que o conhaque colombiano não vem cem por cento da Colômbia. Na maioria dos casos, o anis com o qual é fabricado é feito com óleos essenciais importados da Espanha; por outro lado, álcool de cana (chamado táfia no jargão dos produtores) vem principalmente do Equador.

Melhores marcas

Existem muitas marcas reconhecidas de conhaque colombiano. O conhaque Antioquia É um dos mais famosos dentro e fora das fronteiras do país. É produzido na Fábrica de Licores de Antioquia (FLA) a partir de melaço, mel e cana-de-açúcar, oferecendo três variedades: gorro azul, gorro vermelho e gorro verde. Devemos também destacar uma variedade premium chamada Conhaque Real 1493 com aromas sofisticados e cuidadosamente embalados numa luxuosa garrafa de vidro onde estão gravadas uma cana-de-açúcar e uma flor de anis.

néctar

As melhores marcas de conhaque colombiano

O principal concorrente de Antioqueño a nível nacional é o conhaque Néctar, destilado em Cundinamarca. Essa marca também oferece uma variedade exclusiva de conhaque chamada Néctar premium, com um sabor mais doce e suave.

Recentemente, a marca também se tornou popular Mil demônios, na cidade de Cartagena de Indias. Este rum se orgulha de ser feito seguindo a velha receita de licor clandestino da época colonial. Pode ser apenas um exagero, mas por que não tentar?

Outras marcas de conhaque muito populares na Colômbia são Blanco del Valle, Caucano, Cristal, Líder, Llanero, Nariño, Origem, Platina y Três cantos, entre muitos outros. Este licor é produzido em 16 dos 32 departamentos do país, por isso há muito por onde escolher.

Como beber conhaque

A essa pergunta, quase todos os colombianos responderão sem hesitar que, antes de tudo, é preciso beber o conhaque "em boa companhia". Deve ser lembrado que é uma bebida de alto teor alcoólico que deve ser consumida com moderação. Estas são as fórmulas mais comuns:

  • tiro (tiro), em copos muito pequenos. É mais agradável servido a uma temperatura fria, embora por outro lado, perca-se parte das suas sensações cítricas e frutadas.
  • Em copo curto, opcionalmente acompanhado por um toque de água ou refrigerante e finalizado com uma pequena rodela de limão.
  • Em vidro comprido, com muito gelo e acompanhado de frutas tropicais ou sucos cítricos.

Para acompanhar o conhaque, os especialistas aconselham consumir frutas tropicais em pequenas porções. Coco e laranja também “casam” bem com esta bebida.


O conteúdo do artigo segue nossos princípios de Ética editorial. Para relatar um erro, clique Clique aqui.

2 comentários, deixe o seu

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

*

*

  1.   MARIA ESTER RICO dito

    Na Colômbia temos uma variedade não só de flora e fauna, mas também de cultura: cada região é identificada por seu folclore, sua gastronomia e seus costumes

    Em Boyacá por exemplo: temos em Tunja, a fábrica de licores Boyacá, onde são produzidos o brandy Lider, Onix black seal e Rum Boyacá.

    Existem locais de interesse turístico, como Villa de Leyva, Vale Tensa, Paipa, Tunja. Aqui estão locais de interesse que datam da colônia como a Catedral Metropolitana da Basilícia de Santiago Apostol, a Casa do Capitão Fundador Gonzálo Suárez Rendón, a Casa do Escribano Juan de Vargas, a casa dos Hinojosa que deu muito que falar na colônia, o Arquivo Regional de Boyacá que tem uma grande história, o Pozo de Hunzahúa ou o poço Donato, as almofadas do diabo, um lugar onde os chibchas adoravam o sol e a lua todos os dias e faziam sacrifícios às suas divindades, o monumento a o Trigo que segundo a história foi onde o trigo foi semeado pela primeira vez na América na época colonial.

  2.   Javier Delgado Sinta dito

    Conhaque Antioqueño como bebê-lo